Cedo Venho

Portal de Noticias

“Quem sou eu para questionar o Senhor”, disse vendedora ao saber da morte do marido

Após ficar internada um dia no hospital, a vendedora Débora Alves Souza, de 26 anos, foi liberada pelos médicos para voltar ao Estado e participar do velório e enterro do marido, o segurança Victhor Lemos de Souza, 26.

De acordo com amigos, ela foi informada ainda no hospital sobre a morte do marido e a única coisa que falou foi: “Quem sou eu para questionar o Senhor”.

Segundo familiares, Victhor será enterrado na manhã desta terça-feira (10), no cemitério municipal de Nova Venécia, no Noroeste do Estado.

O velório do segurança começou na noite dessa segunda (9), na Igreja Cristã Maranata, do bairro Rubia, logo após o corpo dele chegar da Bahia.

Victhor morreu em um grave acidente na BR-101, na Bahia, entre as cidades de Itabela e Itamaraju, na tarde de domingo (8).

O casal, que havia se casado no dia anterior ao acidente, estava em um Gol branco a caminho da lua de mel, em Porto Seguro (BA), quando bateu de frente com uma carreta tritrem (veículo que possui três semirreboques) carregada com toras de eucalipto. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) não informou a causa do acidente.

Victhor morreu na hora e ficou preso às ferragens. Já Débora foi resgatada com vida e levada para um hospital da região, onde passou por cirurgia.

Em comunicado enviado a amigos, familiares da jovem informaram que ela quebrou um braço e uma perna, além de ter tido escoriações.

Familiares do casal informaram ainda que, antes do corpo de Victhor ser enterrado, será celebrado um culto na igreja, às 8 horas, como última homenagem ao segurança.

Fonte: tribunaonline – 10/04/2018 – 21:35

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *