DestaqueIgreja Perseguida

Líderes de igreja em Nicarágua têm sido alvos frequentes do partido no poder

Regime no poder faz de cristãos alvos, quando esses oferecem qualquer tipo de apoio à oposição

De acordo com o relato do jornal La Prensa, o pastor batista de uma rede de igrejas com centenas de membros na Nicarágua fugiu do país com sua família após enfrentar constantes ameaças de morte e atos de vandalismo, conduzidos por simpatizantes do regime. O pastor Rudy Palacios, supostamente, começou a ajudar manifestantes com comida e oração, o que levou o governo a emitir um mandado de prisão, o acusando de atos de terrorismo.

O regime continua intimidando cristãos que, supostamente, oferecem apoio à oposição. Líderes da igreja têm sido alvos frequentes ao se pronunciarem contra o crescente totalitarismo do partido no poder. A violência contra líderes também afeta os membros das igrejas, já que pessoas ligadas a alvos também são consideradas ‘terroristas’ pelo governo.

Essa situação resulta em medo que faz com que muitos cristãos não participem mais dos cultos. É exatamente isso que o regime deseja encorajar em sua tentativa de manter os cristãos quietos e sob controle no país.

Pedidos de oração

–    Ore em favor do pastor Palacios, para que ele e a família estejam em segurança.

–    Apresente a igreja da Nicarágua, para que eles estejam com sua fé firmada em Cristo.

–    Peça também para que o Senhor os proteja de ações do regime.

https://www.portasabertas.org.br

Fonte: G1 – 14 de Janeiro de 2019 

COMENTÁRIOS – O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar